"Sei que não tenho a força que tens, se me vejo feliz quase sempre exijo um talvez..."
Ele vai embora e me deixa apenas com as saudades de um dia bom.
Sempre espero por um abraço mais demorado e por um beijo mais apaixonado, mas isso nunca aconteceu...
Conversamos sobre tudo, menos sobre o nosso amor que sempre é deixado de lado, e às vezes até acho que nunca existiu amor da parte dele, não sei...
Agora é essa distância que me deixa aflita, que me faz pensar em...
Quero esquecer, mas a cada dia que passa eu vejo que isso é impossível, não sei porquê, já tentei, mas não consigo te deixar de lado...
Me sinto como uma escrava, esperando ansiosamente por uma carta de alforria, querendo viver livre desse amor...
Às vezes acho que estou sendo chata ao te escrever, ao tentar ouvir tua voz, ao tentar te sentir, ao te pedir um pouco de atenção, e acho que vivo sozinha esse amor...
Amor? Será que isso é mesmo amor? Ou será só ilusão de minha parte?



0 pensamento(s) diverso(s):