Momento

Queria dizer tudo o que sinto, queria dizer tudo o que estou sentindo agora, tudo mesmo.
Queria pôr para fora todos os meus pensamentos, bons, ruins, tristes, alegres... os tristes são os mais difíceis de se segurar.
Queria que alguém me olhasse nos olhos e me tirasse toda essa dor.
Agora os momentos são assim, de dor, de lágrimas e me perguntam sobre o que se passa em minha vida...

Resposta: “- Ah, está tudo bem, não se preocupem!”
Momento: Mentira, omissão de fatos, falta de palavras, não falo dos meus problemas a qualquer um.
Palavras incentivadoras: “- Não fique assim, tudo irá acabar bem!”
Momento: Nem sempre tudo acaba bem, falam isso apenas para você se (eu me) sentir bem.
Resposta: “- É o que espero!”
Momento: Verdade, é o que realmente espero.

“E Clarisse está trancada no banheiro
E faz marcas no seu corpo com seu pequeno canivete
Deitada no canto, seus tornozelos sangram
E a dor é menor do que parece
Quando ela se corta ela se esquece
Que é impossível ter da vida calma e força
Viver em dor, o que ninguém entende
Tentar ser forte a todo e cada amanhecer”
Clarisse - Legião Urbana

0 pensamento(s) diverso(s):