Mais uma dose de você

Nesta noite mergulhei no mar castanho de teus olhos.
Teus gestos me faziam crer que a cada momento que passava, o sol nos daria mais tempo com o frio do escuro e com o brilho das estrelas no céu.
Mais uma dose de você, foi isso o que eu tive e te perguntei:
- Mas se eu me viciar em você?
Então você disse:
- Bem, nesse caso, serei seu fornecedor. E se eu me viciar em você?
Minha resposta imediata foi:
- Só me resta alimentar seu vício. Posso lhe ceder algumas doses, o quanto você quiser.
Você sorriu e disse:
- Quero várias doses então!
Meus olhos se encontraram com os teus e então eu falei:
- Esteja servido!
O silêncio tomou conta do local, só o vento lá fora dançava e cantava sua mais bela canção. E então, o sono se foi...

"Mais uma dose?
É claro que eu estou a fim
A noite nunca tem fim"
Cazuza

0 pensamento(s) diverso(s):