Stay where you are, please don't break my heart... ♪

Nessa última noite eu tive um sonho, um sonho bom.
Estávamos eu e você ido encontrar a felicidade. Você dizia que eu era a sua felicidade e eu tinha a certeza de que você era a minha.
Nosso encontro aconteceu debaixo daquela antiga árvore que fica no parque. Meu coração saltitou de alegria quando lhe vi e os seus olhos brilharam ao me ver chegar. Corri em sua direção e lhe abracei.
Foi um abraço gostoso e demorado. A gente se apertou um contra o outro. A gente queria ficar apertado assim, porque nos completávamos desse jeito, o corpo de um sendo a metade perdida do corpo do outro.
Quando o abraço terminou, você olhou profundamente em meus olhos e me beijou. Um beijo demorado, um beijo que não esquecerei.
Suas mãos, firmes e quentes, passeavam em minha cintura e meu rosto, e então você voltou a me abraçar.
Sentamos e ficamos ali apreciando a presença um do outro. Eu sentindo seu cheiro e você entrelaçando seus dedos em meu cabelo. Seu sorriso era lindo e não escondia a felicidade que você realmente sentia.
De repente, ouvi um barulho. Abri meus olhos e percebi que a realidade me chamava de volta para o escuro de meu quarto. A meia luz do abajur deixava algumas sombras sobressaltadas. O barulho era meu celular vibrando com uma mensagem rápida.

Finally my time has come...
Now's my chance to turn and run, like I always do...

0 pensamento(s) diverso(s):